fechar X
assine
Newsletter

Cultive a acerola no seu pomar

Publicado em 09 de Nov de 2016 por Isadora Couto |COMENTE

Destaque nos pomares domésticos, a acerola combina alto valor nutritivo e facilidades no cultivo, que pode ser feito até em vasos. Aproveite!



Texto Kênia Honda | Adaptação Isadora Couto | Foto Shutterstock

Cultive a acerola no seu pomar 

Com forte presença na mesa dos brasileiros, a acerola (Malpighia emarginata) é encontrada em variedades doces ou ácidas, como a Manoa Sweet e a J. H. Beaumont, respectivamente. Para muitos, a aceroleira é uma árvore, mas na verdade é um arbusto frutífero, que atinge de três a seis metros. "A propagação pode ser feita com sementes, estaquia e enxertia, porém a opção mais simples é utilizando mudas, plantadas em um local de sol pleno", indica a engenheira ambiental e paisagista Fernanda de Andrade Figueira.

Em relação ao melhor composto de adubo, Fernanda explica que é necessário estudar o solo para aplicar uma fórmula mais precisa. "De forma geral, indicamos o NPK 14-4-10 duas vezes ao ano, que deve ser distribuído em círculos sobre a superfície do terreno", aconselha. Entre as pragas mais comuns há o bicudo, que ataca as flores e frutos. "Deve-se pulverizar o pesticida paration no florescimento, repetindo dez dias depois. Em seguida, recolha e enterre os frutos caídos no chão", ensina a paisagista. Mas é importante também manter a atenção com outras pragas, como os pulgões e as cochonilhas, além de doenças, que normalmente causam manchas nas folhas.


LUMINOSIDADE: Mínimo de oito horas de sol diárias. 

SOLO: Fértil e argilo-arenoso. 

ÁGUA: Regas constantes, mas sem encharcar o solo.

CRESCIMENTO: Frutificação entre três e quatro semanas após o surgimento das flores.



Revista Plantas Flores & Jardins | Ed.99 - Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 


 
COMENTE