fechar X
assine
Newsletter

Cuidados essenciais com a azaleia

Publicado em 09 de Oct de 2016 por Isadora Couto |COMENTE

Típica de temperaturas mais amenas, a azaleia é caracterizada pelas flores delicadas. Beleza natural para ter dentro e fora de casa!



Texto Kênia Honda | Adaptação Isadora Couto | Foto Shuterstock

Descrição da imagem vem aqui!!!!

FLORAÇÃO Além dos tons mais comuns, derivados do magenta, a azaleia também é encontrada nas cores laranja, amarelo e branco. A floração ocorre entre o inverno e início da primavera, durando mais de duas semanas.

PODA Para a renovação da espécie, a poda, após a floração, é essencial, pois estimula o seu crescimento. Para isso, é importante retirar as flores murchas ou amarelas e cortar as pontas dos galhos que ficaram. 

CUIDADOS Adubação mensal, mas sem excesso, e atenção na irrigação, evitando molhar as flores, são cuidados para manter o cultivo saudável. Além disso, fique atento ao aparecimento de pragas, como ácaros e cochonilha. 

CULTIVO: O plantio é feito em áreas de 30 x 30 x 30 cm, com sol pleno ou meia-sombra. Na irrigação, recomenda-se analisar o solo duas vezes ao dia, pela manhã e no final da tarde; se estiver seco, molhe moderadamente.

CONDIÇÕES O sucesso da florada também está ligado às condições do solo, que precisa ser fértil, ácido, profundo e com boa drenagem. Além disso, a azaleia necessita de luz solar direta para o desabrochar de suas flores.

APLICAÇÃO Graças à folhagem alta e volumosa, a espécie é muita utilizada em maciços e cercas vivas. Pela fácil adaptação, também é popularmente cultivada em vasos, decorando de forma vivaz os ambientes internos.



Revista Plantas Flores & Jardins | Ed.114 - Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título


 
COMENTE